NOTÍCIAS

16/02/2017 - Futebol Profissional

Com erro da arbitragem e pênalti mal marcado, São Bernardo é derrotado pelo Palmeiras

O São Bernardo foi até a capital para enfrentar o Palmeiras e deu trabalho ao atual campeão brasileiro. Apesar do 2 a 0 a favor do time da casa, com um gol marcado em pênalti inexistente, o Tigre pôde sair do Allianz Parque de cabeça erguida.

Atuando em casa, o Palmeiras começou o primeiro tempo de forma mais incisiva, levando perigo ao gol do Bernô, em um cabeceio de Edu Dracena, espalmado por Daniel. Mas não demorou até o Tigre mostrar que não foi ao estádio rival apenas à passeio. Em jogada ensaiada de escanteio, Rafael Costa cruzou rasteiro para Rodolfo que, de primeira, tirou tinta da trave de Fernando Prass.

Pouco tempo depois, a partida tomou tons mais físicos, com ambas as equipes disputando o meio do campo. A partir dos 20 minutos da etapa inicial, o São Bernardo passou a controlar as ações ofensivas, e era pouco ameaçado pelos donos da casa.

O lance mais perigoso do Tigre no primeiro tempo aconteceu em cobrança de falta de Edno, quase da linha da grande área. O artilheiro do Bernô no campeonato encheu o pé e quase abriu o placar em São Paulo, se não fosse a intervenção do arqueiro rival. No fim da parcial, o Palmeiras passou a atacar mais, mas parou na forte defesa dos visitantes.

O segundo tempo começou com o Bernô quase abrindo o placar naquele que foi o grande lance de perigo da partida até aqui. Rodolfo aproveitou recuo pressionado para Fernando Prass e desviou passe do goleiro. A bola bateu no atacante do Tigre e depois na trave. Pouco depois,. Rafael Costa solta a bomba e força Prass a fazer outra intervenção.

Com o São Bernardo melhor no segundo tempo, trocando passes e tirando tudo o que chegava perto de seu gol, o Palmeiras fez duas mudanças de uma vez . Saíram Guerra e Roger Guedes para a entrada de Michel Bastos e Raphael Veiga.

As trocas deixaram o jogo mais movimentado. Aos 19 minutos, Dudu aproveitou cruzamento de Jean e abriu o placar. Um minuto depois, Edno foi lançado por Rodolfo e fez o gol de empate. O auxiliar deu impedimento. Lance difícil!

De olho no gol, Sérgio Vieira fez três mudanças quase que simultâneas. Saíram Eduardo, Rafael Costa e Walterson,  para entradas de Alyson, Marcinho e Patrick Vieira. Pouco depois Moisés sai para a entrada de Keno.

Aos 31 minutos Dudu foi derrubado por Marcinho fora da área o árbitro  marcou pênalti. Jean bateu, Daniel foi bem na bola, mas ela entrou.

O jogo ficou morno até o apito final. O Palmeiras segurou lá atrás e explorou os contra-ataques enquanto o São Bernardo subiu e buscou espaços.

O próximo compromisso do Tigre no Paulistão será no domingo, às 10h, contra o Santo André, fora de casa.

Ficha do Jogo: São Bernardo x Palmeiras – Campeonato Paulista 2017
Local: Allianz Parque – São Paulo (SP).

São Bernardo: Daniel; Eduardo (Alyson), Edimar, Anderson Conceição e Breno; Geandro, Vinicius Kiss e Rafael Costa (Marcinho); Walterson (Patrick Vieira), Edno e Rodolfo.
Técnico: Sérgio Vieira.

Palmeiras: Fernando Prass; Jean, Edu Dracena, Vitor Hugo e Zé Roberto; Felipe Melo, Roger Guedes (Michel Bastos), Moisés (Keno) e Guerra (Raphael Veiga); Dudu e Willian.
Técnico: Eduardo Baptista.

Gols:Dudu (19'/2ºT) e (Jean (32'/2ºT).

Arbitragem: José Cláudio Rocha Filho, auxiliado por Daniel Luis Marques e Evandro de Melo Lima.

Foto: Elson Francis.


Comentários