NOTÍCIAS

20/10/2018 - Futebol Profissional

São Bernardo é derrotado e dá adeus à Copa Paulista

Debaixo de forte calor, Bernô teve um bom primeiro tempo, mas não conseguiu converter a vantagem em gols. Na segunda etapa, sem poder contar com o capitão Careca, que deixou o campo bastante cansado no intervalo, equipe acertou duas bolas nas traves, não conseguiu abrir o placar, e acabou sofrendo dois gols nos dois únicos contra-ataques que a Ferroviária construiu.

O jogo

No 1

º T só deu São Bernardo. Porém, o domínio das ações e da posse de bola não foi traduzido em gols. Os atletas partiram para o ataque desde o início e conseguiam marcar a Ferroviária, impedindo qualquer chance de contra-ataque dos donos da casa.

A melhor chance do Tigre na primeira etapa foi aos 28’, quando Fernando Junior avançou pela esquerda, levantou a cabeça e cruzou rasteiro na área, mas nem Careca e nem Samuel conseguiram completar para o gol.

Os donos da casa chutaram apenas uma vez no gol de Rafael Pascoal, que fez boa defesa em chute de Jorge Eduardo aos 40’.

No intervalo de jogo, Wilson Junior mexeu na equipe: tirou Careca (saiu bastante cansado) para a entrada de Wesley.

E foi com o próprio Wesley a melhor chance na segunda etapa quando Samuel fez boa jogada e tocou para o camisa 14 do Tigre, que chutou forte no canto e acertou a trave.

Incrivelmente, no lance seguinte, Lucas Gomes roubou bola e tocou para Wesley, que caprichou na finalização e desta vez a bola explodiu no travessão.

Até que o castigo veio aos 18’. No único contra-ataque que a Ferroviária conseguiu organizar, Jorge Eduardo recebeu na área pelo lado direito e chutou forte cruzado, abrindo o placar para os donos da casa.

Logo após sofrer o gol, Wilson Junior fez mais alterações na equipe. Primeiro colocou Ricardinho no lugar de Samuel e logo em seguida Léo Ribeiro na vaga de Marcelo Vilella, buscando dar mais velocidade e ofensividade à equipe. Consequentemente, deixando a equipe mais exposta.

O que não poderia acontecer, aconteceu aos 40’, quando Léo Artur recebeu bola em mais um contra-ataque e ampliou o placar para 2 a 0, automaticamente tirando qualquer chance de classificação do Bernô.

Para completar o cenário, na outra partida do grupo, o Olímpia venceu o Juventus por 1 a 0, garantindo a classificação.

Tigre jogou com: Rafael Pascoal; Edvan, Dogão, Nicolas e Marcelo Vilella (Léo Ribeiro); Willian, Luiz Felipe, Fernando Junior e Lucas Gomes; Samuel (Ricardinho) e Careca (Wesley). Técnico: Wilson Junior.

Foto: Ana Lorena Marche


Comentários