NOTÍCIAS

31/03/2019 - Futebol Profissional

Tigre encerra sua participação e garante permanência na A2

Na tarde de sábado (30), o São Bernardo fez a sua última partida na Série A2. A equipe acabou derrotada para o Penapolense por 2 a 1 e, mesmo com o resultado adverso, conseguiu se manter na divisão.

O resultado do desempenho da equipe não foi o que a diretoria, atletas e comissão técnica esperavam, mas, diante das circunstâncias, foi um verdadeiro alívio para todos.

“Erramos sim. Sabemos disso. E vamos levar esses erros em consideração como aprendizado para o futuro. O importante é destacar a força de vontade de todos para conseguir reverter um cenário muito desfavorável. Com o mesmo grupo de atletas, conseguimos nos manter e agora é aprender com os erros”, declarou Edgard Montemor, Executivo de Futebol da equipe.

Diante do Penapolense, o Tigre não conseguiu apresentar o bom futebol que havia mostrado nas rodadas anteriores, quando venceu Água Santa, Linense e Portuguesa Santista. A equipe de Penápolis chegou a abrir 2 a 0 no placar. Mas, aos 35’ do 2º tempo, o Bernô chegou ao empate com Ermínio e, com o gol marcado, ficou na frente do Nacional e ficou fora da zona de rebaixamento.

“É claro que não é um desempenho que o São Bernardo merecia ter nesta Série A2. Mas, diante de resultados que tivemos em alguns jogos, até mesmo a luta pela permanência ficou muito difícil. Chegamos a ficar 4 pontos atrás do primeiro fora da zona de rebaixamento. Foi muito difícil. Pelo elenco que foi montado, sabemos que não era para brigar na parte de baixo. Mas volto a dizer, é algo para se comemorar por tudo que se envolveu nessa caminhada”, avaliou o técnico Sérgio Soares.

Nos seis primeiros jogos, o Tigre obteve 16% de aproveitamento dos pontos disputados. Depois, com a chegada de Sérgio Soares, o aproveitamento chegou a 46% dos pontos, o que fez a equipe pensar até em uma classificação nos últimos jogos.

“Para todos é um alívio o São Bernardo não ter essa queda de divisão. Seria muito doloroso para todos nós. Esse elenco mostrou muita hombridade em recuperar a confiança, acreditar e buscar reverter o que muitos achavam que não iria acontecer. Tivemos muita força para sair daquela situação incômoda e agora é preciso repensar em vários aspectos para a próxima temporada”, afirmou o treinador.

Formado nas categorias de base do Tigre, o zagueiro Nicolas Gianini, que se tornou titular após a chegada de Sérgio Soares, era uma mistura de sentimentos após o jogo: ao mesmo tempo que estava aliviado pela permanência na A2, ele queria pedir desculpas aos torcedores.

“Nenhum de nós queria isso. A nossa expectativa antes do início da competição e pela qualidade dos atletas que chegaram, era de brigar na parte de cima. Mas foi tudo diferente e tivemos que lutar na parte de baixo. Pedimos desculpas ao torcedor. Sabemos que eles também esperavam muito mais da nossa equipe. Mas é importante pelo menos deixar o clube na mesma divisão”, finalizou o defensor.

Agora, após o encerramento do estadual, a diretoria aguarda para definir sobre a participação na Copa Paulista. O clube aguarda quais serão os clubes confirmados para disputar. Após essa definição, acontecerá a formatação do elenco. O início da Copa Paulista está previsto para o dia 23 de junho.

 


Comentários